Arquivo diario para Abril 29th, 2013

Muita parra e pouca uva

A verdadeira tragédia anda soterrada debaixo de tanto falatório. Está nas pessoas desempregadas, na dificuldade em pagar as contas, nas dívidas que se acumulam, nos negócios que vêem aproximar-se a guilhotina das falências. Pior, a verdadeira tragédia vive exacerbada por este ambiente político e mediático: esperando por um ponto de viragem, mas só encontrando no discurso público inconsequência e mais-do-mesmo.

O português que desejar informar-se dispõe neste momento de três possibilidades: pode escutar o que dizem os políticos, o que dizem os jornalistas e o que dizem os comentadores. Embora estas três categorias estejam agora em boa medida sobrepostas, não podemos queixar-nos de escassez.  Há uma verdadeira abundância de jornalistas-comentadores, comentadores-políticos, políticos-comentadores (e eu sei, eu sei, que também deve haver neste inferno uma categoria para mim). Esses comentalistas, jornalíticos e polentadores gritam uns com os outros, quando discordam e sobretudo quando concordam (é preciso consenso! mas quem é que quebrou o consenso? é preciso entendimento! mas quem é que não quer entender-se?). O sistema funciona como uma série de cavernas rochosas, em que já não sabemos se estamos a ouvir o grito ou o eco. Continuar a ler ‘Muita parra e pouca uva’