Vi o Jan Philipp Albrecht trabalhar na nova legislação de proteção de dados durante o último ano e meio, e antes disso fomos sempre aliados (ainda antes de estarmos no mesmo grupo) no combate aos abusos de estados e companhias privadas sobre a privacidade de cidadãos e indivíduos. Levei-o a Lisboa em setembro de 2011 para explicar o que pretendia fazer enquanto relator do acordo-quadro de proteção de dados com os EUA (que estes têm bloqueado até agora). Como somos vizinhos de gabinete vi quando ele e os seus assistentes receberam cerca de cinco mil emendas ao relatório que tinham apresentado (muitas delas com origem nos lóbis das grandes empresas da internet). E agora, depois de todo o trabalho, cumpre-me felicitar o Jan Philipp pelas muitas boas ideias: proibição de reenvios de empresas às autoridade de países terceiros (ex.: os EUA) sem autorização de autoridades europeias, multas que doem às empresas que prevariquem, direito a que sejam apagados todos os nossos dados a nosso pedido (“direito a ser esquecido”). Só amanhã, com mais vagar, poderei verificar se passou a minha emenda, cuja intenção é criar um sistema de símbolos simplificado para resumir as extensíssimas e ilegíveis “políticas de privacidade” dos sítios e serviços de internet. Mas hoje vale um abraço de parabéns! Agora, é claro, recomeça outra vez o trabalho: é preciso votar em plenária, e (o mais difícil) fazer passar estas ideias pelo Conselho, e depois nos trílogos entre Parlamento, Comissão e Conselho. Mas fiquem sabendo que no parlamento há gente que trabalha muito por nós todos, que os representantes também são cidadãos, e que o progresso é possível, mas não acontece sem muito muito esforço. Job well done, Jan Philipp Albrecht! Congratulations!

Novas regras de protecção de dados aprovadas por deputados europeus

Leave a comment