Realização de um estudo sobre um Projeto Ulisses para o relançamento das economias periféricas da zona euro

Portugal ­— Irlanda — Itália — Grécia — Espanha

ENTREGA DE PROPOSTAS ATÉ 5 DE JULHO DE 2013

MONTANTE DO APOIO: €10.000 PARA REALIZAÇÃO DO ESTUDO ATÉ 30 DE SETEMBRO

 

APELO A PROPOSTAS

Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha têm sido identificados como os PIIGS e foram submetidos a um tratamento de choque após a eclosão da crise em 2008. Têm sido considerados como os doentes da Europa e apontados como a razão da fraqueza do euro. Muitas medidas ad hoc foram testadas para endireitar as economias destes países, mas até agora não houve um plano abrangente e multifacetado para o seu desenvolvimento, que devia vir de dentro e envolver a União, os governos, o cidadãos e grupos da sociedade civil destas regiões. Este é o objetivo do Projeto Ulisses.

A execução do Projeto Ulisses no contexto institucional da União Europeia é possível se definido um programa específico de recuperação e financiamento das economias em questão, incluindo o enfoque nas questões ambientalistas.

Pretende-se uma aproximação a meios de investimento inclusos, com particular incidência sobre estes países e suas questões regionais. Quer-se delinear um projecto de investimento capaz captar projetos de investimento, estabelecer o crédito de joint ventures e providenciar assistência técnica na coordenação do apoio aos problemas das economias.

O PROJETO ULISSES

O Projeto Ulisses é uma rede, um movimento de ideias e um modelo de desenvolvimento para os países periféricos e do sul. O nome vem do herói grego que viajou através destes países e é um símbolo de versatilidade, engenho e criatividade – as ferramentas de que precisamos para criar uma periferia europeia mais desenvolvida e dinâmica.

 

CONDIÇÕES DO CONCURSO

Este apelo a envio de propostas é aberto a todos os maiores de 18 anos, preferencialmente detendo uma formação avançada nas áreas da economia, da administração, dos estudos regionais e das políticas públicas. O candidato deverá apresentar um plano e estudo detalhados sobre como alavancar o Projeto Ulisses.

As propostas, cujo formato será definido pelos concorrentes – mas que não podem ultrapassar cinco páginas A4 de texto – devem ser enviadas em formato digital para o endereço rui.tavares@europarl.europa.eu até 5 de Julho. Para este mesmo endereço podem ser dirigidas quaisquer perguntas sobre as condições do concurso e o caderno de encargos.

Os resultados serão anunciados até ao dia 15 de Julho.

O vencedor da proposta seleccionada terá até ao dia 30 de Setembro para apresentar o estudo desenvolvido, e um mês suplementar para realizar acertos em diálogo com a equipa do Projeto Ulisses/Green New Deal Working Group dos Verdes/ALE do Parlamento Europeu.

Será atribuído um financiamento de €10.000 (dez mil euros) para esses três meses de investigação, redação e desenho do estudo final.

 

CADERNO DE ENCARGOS

1) A proposta deve referir-se unicamente a um plano de investimento para recuperação das economias do sul e periféricas europeias, isto é, Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha.

2) Os candidatos devem mencionar o seu quadro teórico, mencionar a extensão do estudo e sua execução técnica.

3) A proposta deve incluir um orçamento concetual, mas baseado em fundos realmente existentes (por exemplo, FEDER, Fundo Social Europeu), redirecionamento de outras linhas orçamentais, apoios de entidades públicas ou privadas (por exemplo, Banco de Investimento Europeu) ou captação de recursos com financiamento próprio (por exemplo, Financial Transaction Tax).

4) A proposta deve apresentar vários cenários de renovação e recuperação das economias em causa, não se limitando a uma única forma de financiamento ou de resposta. A proposta pode inspirar-se em exemplos históricos (recorde-se a Tennessee Valley Authority), mas actualizada para a economia do presente, altamente globalizada.

5) O estudo deve explorar uma coordenação dos arranjos institucionais europeus existentes, que seriam encarregados de implementar o Projeto Ulisses.

6) A proposta deve considerar o apelo do Green New Deal Working Group do grupo político Os Verdes/EFA, do Parlamento Europeu, tal como ser consultado aqui, no sentido de promover economias que reduzam a dependência de combustíveis fósseis.

ULISSES_APELOPROPOSTAS

ULYSSES_LOWCARBON

Leave a comment