Eles não querem

Os partidos de esquerda em Portugal não se entendem por uma razão muito simples: eles não querem. E “eles” são as direções nacionais. Não há mais profundo do que isso. Aliás, nada é mais profundo do que não querer. E eles não querem. Ponto. Um bom ponto de partida para o país é a cidade […]

Ler mais