Deus não quer, François!


A Europa só muda quando a esquerda aprender.

Conheci em tempos um casal em que ambos eram fervorosos crentes na existência de Deus. Bem, talvez mais do que isso: ambos alegavam falar com Deus. As discussões eram engraçadas: “amor, Deus agora não quer que tu toques viola” — “mentira, amor, é Ele que me está a pedir”. As escolhas de restaurantes, de roupa e de meios de locomoção passavam pelo mesmo processo.

Eu ainda admito que se possa falar com Deus; mas nunca acreditei que Deus pudesse responder. Até ontem, quando o avião de François Hollande foi atingido por um relâmpago quando viajava de avião para jantar com Angela Merkel logo a seguir à sua tomada de posse. A comitiva teve de voltar para trás e mudar de aparelho, mas mesmo assim lá foram de charola para Berlim e o encontro lá teve lugar.

Não, não e não! Mas tu não vês, François? Deus não quer! Até Deus, na sua infinita paciência, se pergunta: “mas quando é que a esquerda aprende?” e “quando é que a Europa muda?”

Tu não precisavas de ir a correr para Berlim, François. A Merkel fez questão de não receber-te quando eras candidato à presidência. Claro que irias visitá-la, mais tarde ou mais cedo, mas não teria de ser logo depois de tomar posse. E, se era para discutir a União, deverias ter deixado claro que havia um lugar próprio para o fazer: Bruxelas. Berlim é uma capital europeia, mas não é a capital da Europa.

As duas perguntas de Deus, aliás, estão ligadas: a Europa só muda quando a esquerda aprender. Seja a fazer oposição ou a governar, é preciso passar a entender a dimensão europeia como distinta das meras relações entre governos de Estados. Em época de crise, sobretudo, a falta da dimensão europeia leva os estados a encerrarem-se em posições determinadas pela visão mais mesquinha dos seus debates nacionais e a relacionarem-se, no máximo, de forma bilateral. Ora, uma coleção de relações bilaterais não faz uma União.

Para haver uma União tem de conseguir apresentar-se uma visão que una partes das sociedades de todos os estados-membros no interesse comum de atingirem um alto nível de desenvolvimento económico, social e ambiental. Se se disser que uma taxa sobre as transações financeiras, complementada com outra sobre a poluição, cujos recursos alavancados moderadamente por dívida europeia (até agora praticamente inexistente) poderiam relançar a economia de todo o continente, a começar pelos seus pontos mais fracos mas beneficiando toda a gente — isso pode ser um discurso que, mobilizando os cidadãos, crie uma União.

A insistência em relações bilaterais acaba por criar uma realidade em que “a Alemanha” quer x e “a França” quer y — e os cidadãos, na sua multiplicidade, ficam como se não tivessem vontade. Para nós, particularmente, isto é grave. Os principais prejudicados da falta de uma democracia europeia são os pequenos países.

Infelizmente, para que a esquerda (o centro-esquerda e a esquerda radical, raios: a esquerda) aprenda que é do seu interesse que a Europa se faça, será necessário muito mais do que um raio. Será necessário ver o colapso da Grécia, o contágio a Portugal, a calamidade na Espanha e na Itália — e o euro condenado. Quando será que a esquerda aprende? Não respondes, Deus?

(Publicado no jornal Público em 16 de Maio de 2012)

24 Respostas a “Deus não quer, François!”


  • EXCELENTE ESTE ARTIGO.

    EXCELENTE!

    De facto a pressa de Hollande ir prestar vassalagem a Berlim a Frau Merkel………………não lembra o Diabo!!!!!

  • Só nos saem esquerdistas de meia-tigela!

  • Depois do Merkozy, temos o Merlande…

  • Não será bem, bem Merlande, dado este ser menos “tanso!” que o Sakozy, mas não será nada de bom…………..

  • António Vilas Boas

    Um artigo para ser lido por toda a gente que se diz de esquerda e depressa escorrega no mais bacoco nacionalismo anti-União, como os que defendem, por exemplo, a saída da União Europeia ou mesmo, numa posição ainda mais xenófoba, a criação de uma União Europeia dos países do Sul.

  • Esperemos ainda ser possivel criar uma verdadeira União a 27, isto não é…e nunca foi……………..

  • Antes de mais nada, desculpe-me pelo meu portugues. Sou brasileiro, e temos algumas diferencas gramaticais, mas espero conseguir transmitir a idéia principal.

    O problema da esquerda burra não é apenas europeu.

    E aqui não vou nem entrar em detalhes sobre a esquerda que quer um comunismo nos moldes da União Soviética. Não funcionou na União Soviética, o que faz alguém pensar que funcionaria em algum outro lugar se fizerem tudo igual? Menos Vodka?

    Reclamo aqui da esquerda que é incapaz de dese apoiar uma idéia que dê fim a uma crise por que a idéia nasceu de um partido de direita. A esquerda que diz lutar pelo bem da parte mais necessitada da população mas que nao aprova nada que não beneficie a eles próprios, os líderes do partido.

    Dizem que querem uma solução para a crise na União Européia – talvez seja hora de comecar a desenterrar os problemas que são a causa da crise para corrigi-los. Se a Grécia está em crise e Portugal, Espanha, Irlanda e Itália estão próximos a entrar em situação parecida, é de se imaginar que o problema da crise não seja simplesmente Grego, não?

    E para os que acreditam que uma saída da União seja a melhor opção, eu digo: Vão estudar. Aprendam por que a União Européia foi criada em primeiro lugar. Quando voces entenderem isso, ai poderemos ter uma discussão sobre quão boa seria uma eventual remoção da União.

  • Rotfrontkämpferbund macht frei....

    Deus o quer seu RT’P de BEBE
    E para os que acreditam que a eurropa é estável e que o sestércio é imperial
    ELE vos diz: Vão estudar.
    Aprendam por que a UE foi creada em seis dias tal como a dita guerra dos mesmos que já dura faiz ânus.

    a queda da única moeda mundial da eurropa depois do sestércio e do besante orientalis
    e o regresso da Libra do Império Extra-Europeu como moeda colonial
    apenas aproveita aos ilhéus e a banqueiros americanos e suiços

    um espaço eurropeu com uma moeda única foi um magnífico ……..!!!$#%%&

    uma eurropa unida subsiste entre 6500 milhões de bárbaros

    uma eurropa sem eurro…fragmenta-se inevitavelmente tendo em conta o enquadramento 2012-2020

    as indústrias promotoras de emprego e a organização económica de certezinha não nascem do caos

    bom exceptua-se a coreia do sul maS essa teve muita ajuda

    e curiosamente o norte industrializado teve melhor nível de vida até ao início dos anos 60

    o desemprego das sociedades tende a ser crónico

    soluções só a curto prazo…já o dizia Kurt Vonnegut Junior
    no player’s piano..1957 creio ou 1954…anos 50 faz 60 anos como a UE uéué…

  • Rotfrontkämpferbund macht frei....

    e agora link Crónicas de um Matemático Exilado no Mundo?

    é contrasenso né matemático é alienado mesmo…o mundo é exílio?

    mais um ET pra juntar aos do bloco…

    Tu não precisavas de ir a correr para Berlim, François.
    mas quisestes fazê-lo o que revela carácter….

    A Merkel fez questão de não receber-te quando eras candidato à presidência…..e tu perdoaste-lhe o que revela grandeza

    é estou convencido Hollande é o Obama depois de tratamento à Mickael Jackson ele arriscou e arriscar é divino

    contra correntes e marés é mudança

    podia ser pior podia ser como o nosso systema de injustiça creada por um estado torto que se diz direito e con homens de bons costumes

    viva All Barroso a mão esquerda de Deus

    o Durão é a mão direita das trevas?

  • Em simplex muito muito basic..

    Deus sou eu, disse o Demo e a Esquerda essa coisa da sinistra, una e ao mesmo tempo formando Trindades de base 10 é a direita vista ao espelho e como tal cada uma tem um universo particular, uma visão do mundo e um objectivo final para o mundo e para a evolução do homem (pode ser à pedrada ao estylo do masson ou a tiro de flecha ou canhão ao estylo do Synapismos Rolante), mas o Demo que é DeuS assim o fez para controlar os homens que também são Deus e o Demo.

    E assim permitindo a expressão dos que estão com as forças matemáticas da luz e reprimindo os que aparentemente querem ser o protagonista de Sou Ares o maior dos deuses e o menor dos diabos ou vice-versa, criamos nichos daqueles que são pedaços da Vera Cruz e caixotes de lixo para a falsa Cruz da Casa que fingia ser Pia

    resumindo: Mithologgias esculpidas em pedras feitas cathedrais e cathedras de Deus o quer quando o Diabo nos tem

    uns Exilados no Mundo mathemático querem que lhes saiam tijelas inteiras de números primos e euromilhões bem divididos em potências de 10 elevadas a trinta e tal nações

    outros Rui’s muito bons e pouco Ruin’s arruinam as meninges a expurgar os falsos profetas e a preservar o evangelho que é uno apesar de dividido em três…in nomini Tavares figli espiritualis e sanctum sanctum que és o spiritum tuo da vera demo da cracia

    e a DEMO vem em quantos níveis de tentativa e eurro?

    só o deus do blog e seus apóstolos o sabem…

  • Em simplex muito muito basic..

    יום שבת, 19 במאי 2012
    O SIMPLEX FEITO COMPLEX INUMANO-DEUSES À BEIRA DO FIM PENSAM QUE SÃO HOMENS QUANDO OS HOMENS SE APROXIMAM DA TUMBA PENSAM SER DEUSES
    O MUNDO EM SIMPLEX: QUANDO O HOMEM O DESDENHA DEUS O QUER
    Deus sou eu, disse o Demo

    E TODOS os restantes deuses são falsos como os diamantes bera….

    mais simplex do que isto só os desenhos di foz côa….

    claro que havia um lugar próprio para o fazer: Bruxelas o Olimpo da burrocracia eurropeia

    Berlim é uma capital europeia, mas não é a capital da Europa é apenas um subúrbio fino onde vivem os que pagam as contas dos guetos eurropeus que eles formaram

    Pequim é uma colónia que temos por aí e wash in ton é uma lavandaria que faz preços reduzidos à tonelada
    O mundo é a eurropa e Bruxe ellas das kapital
    e nós os escolhidos os puros dos puros gravaremos a histéria
    com as nossas unhas…

  • E O BARRROSO! Agrarrado ao tacho, a ver se se aguenta para depois ser PR cá do burgo…..hem????

  • deus deve ser de esquerda e o pai dele é de direita. por isso é que deus não há meio de crescer,nem nenhuma das esquerdas edipianas .

    deus mandou-me dizer – cresce e aparece , ó portugesa esquerda!esquece as intrigas e anda. aproveita ,hoje, o meu dia de estar de serviço aos paralíticos!

    Deus não quer – um texto inspirador e bem disposto. Obrigada.

  • Em simplex muito muito basic..

    Deuladeu Martins também anda a retirar eurros da banka grega?

    Se os deuses gregos nem con fiam na banka do Olimpo e só querem é meter-se na banka de Hades isto de meter só um deus ao barulho parece-me cousa do JPMorgan e tem os restantes na reserva

    Jupiter lo vult…se calhar nem jupiter o quer mas o céu arrisca-se a cair na cabeça do Astérix por toutatis

    1200 milhões 2ª e terça passada e 5 mil milhões até 16 de Maio e já estamos a 21

    Acho que é mesmo o homem não quer mesmo que deus o queira…
    deuses de ladrões sã mercuriaes

  • O homem não quer……..logo…qual deus??????

  • Em simplex muito muito basic..

    Toutatis claro…se o céu cai em cima das cabeças vamos ter de ir todos pró inferno

    bolas esta gente nã pecebe de mithologgia incunomiká

    in nomine deo toutatis

  • Pro inferno…………………..onde!!!quando!como….com quem!

  • E os eurrobondes alemães andam a 0,07%?

    Pró Inferno de 1929 global que vai chegar um dia destes ?

    Vai com Deus ou com outro velhote que tenha manias

    A eurropa sempre dependeu dos Francos e de outros povos germânicos para se dinamizar em termos económicos e sempre puseram a boa saúde da eurropa junto com a sua
    Infelizmente nem a Hollande de Hollande nem os Francos que querem ser gauleses já contam pouco desde que deixaram de rebentar bombinhas nos atóis de Mururoa e afins…adeviam bombardear Viena a partir dos seus porta-chaves pra mostrar que as bolhas vão e vêem-se mas a França é eterna

  • Parece que vamos recuando, até rebentar!!!!!! Tanto politico que nada fez de util!!!!!! tantos!!!!!!

    E agora????

  • date obolum Belisario

    Nada de utilis? e era pra fazerem?
    tamém as lojas de pedreiros dizem que são livres e tal e nunca os vi a obrar

  • date obolum Belisario

    pelas vias normais claro

    tal como o grande arkitecto evoluiram demais

    só obram uma vez durante 6 dias e ódespois ficam a distribuir essa obra o resto da vida

  • Ah, obra não de obrar, mas de construir, sem estrume, que por vezes ainda é pior!!!

Deixar comentário